“O Meu Lugar”

Entrevista com António Parente

"um marco da própria vida, associado à memória e ligação com a terra, fizeram da Quinta de S. Sebastião, o meu lugar."

"A minha paixão não são os vinhos, mas o que eles contam sobre um lugar. E um lugar, para mim é feitos de muitas coisas, do espaço físico, do ambiente, da envolvência, da sua história e acima de tudo, do potencial que tem quando habitado pelas pessoas certas. É assim numa quinta, numa empresa, numa casa e até numa rua. Acredito que os lugares reservam as histórias de quem lá vive.

A minha ligação com a terra vem das memórias de infância, em especial da paixão pelos cavalos, pela sensação de liberdade e pela relação de afinidade que estes exigem. É este o espírito com que me dediquei à produção do Vinho da Quinta de S.Sebastião.

A região da Arruda dos Vinhos é por natureza uma terra produtora de vinhedos em qualidade e quantidade, e se juntarmos a esta, a capacidade técnica, as infraestruturas e o know-how obtemos vinhos de excelência com uma identidade muito própria.

E se os Vinhos Quinta de S. Sebastião já são provas disso mesmo, com a conquista de prémios e reconhecimento, o que me deixa me deixa muito orgulhoso, o meu projecto apresenta um desafio maior. Colocar no mapa a região da Arruda dos Vinhos. Isto é, conquistar o reconhecimento nacional e internacional com vinhos de qualidade inquestionável e com uma identidade própria que só a Região da Arruda pode dar.

Para mim os Vinhos são um marco da própria vida, associado à memória e ligação com a terra. Viver estes momentos com as pessoas que se dedicam dia e noite a este projecto e à recuperação da vinha e da casa, fizeram da Quinta de S.Sebastião, o meu lugar."

António Parente



back